Notícias

UFVJM conquista 20 novas vagas de professor

publicado: 15/04/2021 21h39, última modificação: 15/04/2021 21h46
Códigos para carreira do magistério superior foram disponibilizados pelo MEC

A Reitoria da UFVJM, por meio da pró-reitora de Gestão de Pessoas, Maria de Fátima Afonso Fernandes, comunica a todos que, conforme a Portaria nº 213, de 14 de abril, de 2021, publicada no Diário Oficial da União (DOU), de 15 de abril de 2021, foram disponibilizados para a UFVJM 20 novos códigos de vagas para a carreira do magistério superior.

Essa conquista é resultado de um processo de articulação entre a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progep) e a Reitoria da UFVJM, em conjunto com o Ministério da Educação, cujo propósito foi atender ao Ofício circular nº 2/2021/CGGE/DIFES/SESU/SESU-MEC, expedido em 12 de fevereiro de 2021. Em linhas gerais, buscou-se o remanejamento de espaço do Banco de Professor Equivalente para o Ministério da Educação, objetivando minimizar a necessidade de provimento de outras Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes), sendo que, em contrapartida, foram repassados 20 cargos de professor do magistério superior para a UFVJM. A expectativa é de que o provimento, via saldo do banco de equivalência, ocorra no ano de 2022.

Após análise criteriosa do Banco de Professor Equivalente para verificar o saldo disponível, a Progep e a Reitoria constataram a vantajosidade de atendimento à solicitação. Levou-se em consideração o saldo remanescente do Banco de Professor Equivalente, bem como a necessidade institucional de aumento de pessoal para o atendimento das necessidades acadêmicas da UFVJM, o que culminou com a liberação dos códigos de vagas para provimento, observando-se o disposto na Lei Complementar nº 173, de 27 de maio de 2020, além da existência de disponibilidade orçamentária.

“A tomada de decisão que resultou na conquista dessas 20 vagas docentes representa um acerto da Progep na sua política de gestão de pessoal, a qual, por sua vez, proverá à Reitoria uma oportunidade ímpar para melhor atender as demandas do ensino, tendo em vista a atual reestruturação da Pró-Reitoria de Graduação”, conclui a pró-reitora Maria de Fátima Afonso Fernandes.