Notícias

FORMAS DE INGRESSO

Processo seletivo para Licenciatura em Educação do Campo: prazo para solicitar isenção da taxa de inscrição é ampliado

publicado: 01/06/2021 17h48, última modificação: 02/06/2021 16h34
Agora, candidato tem até o próximo dia 10 de junho para pleitear isenção total ou parcial da taxa de inscrição

Banner campanha LEC UFVJM 2021

A Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), por meio da Coordenação de Processos Seletivos (Copese), publicou novas datas do processo seletivo para o curso de Licenciatura em Educação do Campo (LEC), com ingresso previsto no segundo semestre letivo de 2021. O prazo para solicitar isenção da taxa de inscrição foi ampliado até o próximo dia 10 de junho.

As inscrições para participar do processo seletivo serão de 8 de julho a 10 de agosto de 2021. E as provas estão previstas para serem realizadas no dia 3 de outubro de 2021. Todas as informações sobre essas novas datas podem ser acessadas no edital disponível aqui

São ofertadas 60 vagas para a graduação, sendo 30 vagas para habilitação em Linguagens e Códigos e as outras 30 para habilitação em Ciências da Natureza. Podem concorrer às vagas oferecidas nesse edital os candidatos que, no ato da matrícula, tenham concluído o Ensino Médio.

A LEC é um curso presencial em regime de alternância, sendo a organização tempo/espaço distribuída em Tempo Universidade, que ocorre em Diamantina (MG), e Tempo Comunidade, nas comunidades de origem dos alunos ou nos núcleos de alternância definidos pelo colegiado do curso.

A licenciatura pretende formar profissionais para o exercício da docência nos anos finais do Ensino Fundamental e no Ensino Médio, no contexto das escolas que atendem às populações do campo, nas habilitações em Linguagens e Códigos ou Ciências da Natureza.

Os processos seletivos para a graduação são realizados anualmente, por meio de prova específica composta por uma redação e por questões de múltipla escolha, em formato similar às provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Confira todas as informações sobre o processo seletivo para o curso de Licenciatura em Educação do Campo (LEC), aqui.

Mais sobre a LEC

De acordo com a professora da LEC, Roberta Alves, o projeto pedagógico do curso é desenvolvido na perspectiva da pedagogia da alternância, que está para além da questão da alternância em si, na medida em que são adotados vários instrumentos que buscam significação e contextualização do processo de ensino aprendizagem.

 “A proposta é de que o ensino construído contribua na instrumentalização dos futuros professores e, de alguma forma, da comunidade, para construção de mais equidade no campo e cidade. Durante o Tempo Universidade, os estudantes trazem os saberes e fazeres das comunidades para a universidade, e no Tempo Comunidade compartilha-se com as comunidades as reflexões e conhecimentos construídos. Os educadores e educandos tecem juntos o conhecimento, articulando os diferentes saberes”, explica a professora.

Uma das egressas do Programa de Apoio à Formação Superior em Licenciatura em Educação do Campo (Procampo), a ex-aluna da UFVJM Ângela Rita Teixeira, destaca a promoção de vínculo com sujeitos e instituições relacionadas à Educação do Campo, possibilitada pelo curso.

“Após a graduação, eu cursei a Especialização em Educação do Campo e atualmente estou no mestrado em Educação em Ciências, Matemática e Tecnologia, ambos na UFVJM, e minha pesquisa é sobre Agroecologia, com dados de um projeto de extensão que aconteceu na minha escola. A relação do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid) e do Programa de Residência Pedagógica com os estudantes da LEC na escola também é um importante meio de interação de jovens da minha comunidade e da escola com a UFVJM. E isso contribuiu para que outras pessoas daqui continuem se graduando por meio desse curso”, descreve. 

Saiba mais sobre o curso de Licenciatura em Educação no Campo da UFVJM aqui

 

Por Diretoria de Comunicação Social