Notícias

Programa de Eficiência Energética da Cemig investe quase 2,4 milhões na UFVJM

publicado: 16/11/2020 13h19, última modificação: 16/11/2020 15h06
Aprovada em edital da concessionária, universidade vai economizar cerca de 30% com gastos em energia elétrica

Por meio de edital de chamada pública do Programa de Eficiência Energética - PEE 2019 da Cemig, no valor total de R$ 2.537.801,57, a UFVJM foi contemplada com recursos para a execução de projeto de eficiência energética da ordem de R$ 2.388.234,45, que irão beneficiar toda a comunidade universitária através de uma significativa redução no orçamento destinado a gastos com energia elétrica. O projeto aprovado prevê a troca de aproximadamente 26 mil lâmpadas com tecnologias obsoletas por lâmpadas LED para ambientes interno e externo, incluindo refletores e iluminação pública, além de 14 aparelhos de condicionamento ambiental. A economia anual de energia elétrica após a finalização do projeto gira em torno de 1.083,72 MWh.

O cronograma de execução teve início em fevereiro deste ano e deve seguir até janeiro de 2021, com intervenções no Campus I, Campus JK e Moradia Estudantil Universitária, localizados em Diamantina. “O trabalho começou com apresentação das instalações e projetos elétricos e das informações técnicas pertinentes para a empresa executora do projeto, passou por medição da energia, levantamentos, compra de equipamentos, e chegou, no final do mês de maio, à execução de fato, que deve ser concluída até o final do ano. Depois ainda tem o prazo de divulgação e treinamentos”, pontua o chefe da Divisão de Projetos e Obras da Diretoria de Infraestrutura da UFVJM, engenheiro eletricista Leon Cândido de Oliveira, designado como gestor responsável pelo projeto na universidade.

Ainda de acordo com Leon, devido ao limite do recurso disponibilizado para o edital PEE 2019, apenas os campi e a moradia estudantil de Diamantina puderam ser inseridos nesse primeiro projeto para que ele fosse viabilizado. “Foram também levados em conta o critério de logística, pois todos se encontram na mesma cidade, e outros critérios técnicos de forma a apresentar um projeto mais competitivo para ganhar o edital”, esclarece o engenheiro eletricista.

Depois de finalizado o projeto, estima-se uma economia de aproximadamente 30% na conta de luz mensal da UFVJM. “Só no Campus JK, pagamos cerca de 100 mil por mês de energia. Com todas essas mudanças, estimamos conseguir baixá-la para R$ 60 mil ou R$ 70 mil”, comemora Leon Cândido de Oliveira.
 

Programa de Eficiência Energética

Em julho de 2019, a UFVJM participou da chamada pública e foi uma das instituições aprovadas no Programa de Eficiência Energética da Cemig - PEE 2019. Trata-se de um programa estabelecido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em atendimento à Lei n° 9.991/2000, que determina que as concessionárias de energia elétrica devem aplicar anualmente o valor equivalente a 0,40% de sua receita operacional líquida anual em projetos de eficiência energética. “O projeto da UFVJM submetido à chamada pública 001/2019 da Cemig foi desenvolvido pela empresa DEODE Inovação & Eficiência, que nos esclareceu os pré-requisitos e condições de participação, fez os levantamentos, elaborou o projeto e submeteu-o ao edital. Fomos aprovados em primeiro lugar, em razão da excelente relação custo-benefício. Todo o recurso disponibilizado vem da Cemig. A UFVJM é a beneficiária, disponibilizou as informações necessárias e viabilizou a elaboração do projeto”, conclui o engenheiro eletricista da universidade, Leon Cândido de Oliveira.
 

Mais detalhes do Programa de Eficiência Energética (PEE) e do Procedimento do Programa de Eficiência Energética (PROPEE) podem ser obtidos no site da Aneel, através da Resolução Normativa n° 892, de 11 de agosto de 2020.
 

Acompanhe todo o trabalho realizado na UFVJM no vídeo: